Chile, Santiago do Chile, Valparaíso, Atacama, Ilha de Páscoa

 


A casa de Pablo Neruda em El Quisco


Conheça o museu Isla Negra, a casa de Pablo Neruda em El Quisco. Pablo Neruda foi um dos escritores mais importantes do Chile e da América Latina. Falecido em 1973, ele deixou 3 casas pelo país que hoje são museus, e a Isla Negra é uma delas. Para saber mais sobre as outras, confira nossa matéria sobre as 3 casas museus de Pablo Neruda no Chile. Confira abaixo tudo o que você precisa saber sobre a Casa Isla Negra, que é a mais impressionante das três.


E se você está planejando viajar para lá, não deixe de conferir também as dicas imperdíveis de como economizar muito na viagem ao Chile. São dicas muito boas, que valem a pena, e vão fazer você economizar muito em todo o planejamento da viagem e quando estiver lá. Sua viagem ao Chile vai sair mais barata do que imaginava e você poderá aproveitar ainda mais sua viagem. Agora veja tudo sobre a Casa Isla Negra.

Historia do museu Casa Isla Negra

Apesar de muitos a considerarem a terceira casa de Neruda, a Isla Negra foi a que ele passou mais tempo no Chile e a primeira que comprou quando voltou da Europa em 1937. Ele estava em busca de um lugar tranquilo e no meio da natureza para escrever seu livro Canto General. Pablo Neruda adquiriu a casa de um capitão de navio espanhol em 1938, quando ela ainda era conhecida como La Gaivota. O poeta a rebatizou de Isla Negra por conta da cor dos rochedos que ficavam de frente para o mar e do isolamento que ela permitia. Entre 1943 e 1945, com a ajuda do arquiteto catalão Germán Rodríguez Arias, Neruda fez várias obras de expansão e na arquitetura da casa. Ele gostava tanto do mar que diversos aspectos da construção e da decoração fazem referência à embarcações.

Historia do museu Casa Isla Negra

Além disso, muitos aspectos da sua poesia foram inspiradas por esse local, já que Neruda escreveu grande parte de suas obras ali. Em 1965, foram feitas mais ampliações na casa com a ajuda do seu amigo Sergio Soza. Foi em Isla Negra que o escritor chileno passou seus últimos dias antes de ser levado para o hospital em Santiago em 1973. Após sua morte, a casa foi deixada para o Partido Comunista Chileno, mas o governo da ditadura se apropriou dela. Somente em 1992 os corpos de Pablo Neruda e sua terceira esposa, Matilde Urrutia, foram levados para a casa, onde aconteceu um funeral com a presença de muitos dos seus conhecidos e de autoridades chilenas, atendendo ao pedido feito no poema "Disposiciones", em que o escritor pedia para ser enterrado em Isla Negra, de frente para o mar.

Historia do museu Casa Isla Negra

Visita ao museu Casa Isla Negra

Na exposição de Isla Negra você vai encontrar muitos objetos ligados ao mar, como navios em garrafas, réplicas de veleiros e conchas marinhas, por exemplo. Além disso, na casa existem diversas outras coisas que Neruda colecionava, como garrafas estranhas, máscaras, sapatos antigos, estátuas, chapéus e até mesmo canos. Na arquitetura do local você também vai ver referências a alguns de seus amigos poetas nas vigas do bar, mobílias utilizadas por Neruda quando ele estava ali e decorações ligadas ao seu pai, que era ferroviário. Isso tudo sem contar a linda vista que se tem do Oceano Pacífico. No museu, como já mencionamos acima, também está o túmulo do poeta e há um "moai" (aquela escultura gigante de pedra típica da Ilha de Páscoa) no formato da cabeça de Neruda.

Visita ao museu Casa Isla Negra

Na visita à Isla Negra você vai receber um áudio-guia, que está disponível em várias línguas, inclusive o português. O ingresso para entrar no museu custa 7 mil pesos e o local abre o ano inteiro de terça a domingo. Porém, entre março e dezembro o horário de funcionamento é das 10:00 às 18:00 e nos outros meses o local fecha uma hora mais tarde. O lado ruim dessa casa de Pablo Neruda é que ela fica afastada das principais cidades turísticas do Chile. De Santiago até lá são cerca de 110 km de distância e de Valparaíso são 72 km. Você pode fazer esse trajeto com seu carro alugado, uma agência de turismo ou com ônibus da Turbus ou da Pullmanbus.

Visita ao museu Casa Isla Negra

Use seu celular à vontade no Chile

Poder usar seu celular no Chile e em qualquer outro lugar do mundo é ótimo, pois ele acaba sendo muito útil. Você pode usar os aplicativos dos pontos turísticos e das cidades, os aplicativos de cupons de desconto, se for alugar um carro você economiza uns 100 euros por não precisar alugar um GPS pois poderá usar o do celular, pode pesquisar os endereços e horários dos lugares, ver a previsão do tempo para se planejar para os passeios e lógico ficar conectado com todo mundo através de aplicativos e postar suas fotos da viagem ao Chile nas redes sociais. Se quiser, veja nossas dicas de como usar o celular à vontade no Chile. É super barato e você vai poder usar seu celular o dia inteiro em Santiago do Chile, Valparaíso, Viña do Mar e qualquer outro lugar do Chile e do mundo inteiro, caso vá para outros países na mesma viagem. E usando a internet do seu celular você poderá pesquisar tudo sobre a Casa Isla Negra quando estiver lá.

Use seu celular à vontade em Santiago e no Chile

Dicas para aproveitar melhor sua viagem ao Chile

Agora que você já viu tudo sobre a Casa Isla Negra, uma dica legal para quem vai para o Chile é que como alguns pontos turísticos como Cajón del Maipo, as vinícolas, cidades, parques naturais, desertos, outlets e todas as atrações ficam bem afastadas, alugar um carro se torna essencial. Sem falar que com um carro você pode conhecer outras cidades do Chile além de Santiago, que são próximas como Viña del Mar e Valparaíso, explorar suas estradas que são lindas e as paisagens e lugares naturais pelo caminho que são incríveis. Se quiser, saiba tudo sobre o assunto aqui na matéria de Aluguel de carro no Chile com dicas incríveis e como conseguir um preço incrível utilizando comparadores de preços excelentes e economizando muito.

Viagem de carro pelo Chile

Dica dos ingressos para passeios e excursões

Outra dica importante é sobre os ingressos para os passeios e atrações. Comprar antes pela Internet é sempre a melhor opção, pois além dos preços serem sempre menores, você evita as longas filas nas bilheterias, não precisa perder tempo da sua viagem se preocupando com isso e não corre o risco deles terem se esgotado. Nós acabamos comprando todos os passeios e ingressos nesse site aqui de Ingressos para o Chile, e achamos ótimo. Como eles são o maior site de ingressos e excursões do mundo, já tem todas as opções lá e você já compra tudo em um único lugar, e que sabemos que é de confiança. É legal que já vai abrir na página com todos os passeios e ingressos de Santiago do Chile, na ordem dos mais vendidos, que são os mais procurados. Você pode mudar para qualquer outra cidade também. Nós compramos a excursão para Viña del Mar e Valparaíso, para Cajón Del Maipo (que é um lugar incrível), para a Vinícola Concha Y Toro (que é um passeio imperdível e super completo) e o City Tour por Santiago. Todos os passeios são ótimos, as vans e ônibus saem de Santiago e achamos o serviço de todos excelente. 

Cajón Del Maipo no Chile

Não se esqueça do Seguro Viagem para o Chile

Uma dica importantíssima que reforçamos para todos que estão planejando viajar para fora do Brasil é que não se esqueça que fazer um Seguro Viagem Internacional. Ele é importantíssimo e ninguém deve viajar sem um para evitar problemas no exterior. O que muitas pessoas não sabem é que ele é super barato. Veja nossa matéria de Seguro Viagem para o Chile com tudo o que você precisa saber sobre o assunto, quais são os melhores seguros e dicas para fazer um excelente seguro por um preço incrível economizando muito.

Veja outras matérias legais do Chile:

O que fazer em Santiago do Chile: Dicas do que fazer e conhecer na cidade. 
Como levar dinheiro para o ChileMelhores formas de levar seus pesos chilenos.
Cidades turísticas do Chile: As cidades chilenas mais famosas e visitadas.
Como achar hotéis muito baratos no Chile: Incrível pesquisador e dicas excelentes.

Postar um comentário

 
Top