Chile, Santiago do Chile, Valparaíso, Atacama, Ilha de Páscoa

 


Aprenda tudo sobre a imigração no Chile


Saiba tudo que é preciso para entrar no Chile sem nenhum problema. Com a moeda nacional desvalorizada, é muito comum e recomendado que procuremos países alternativos ao populares para conhecer. E qual melhor país do que nosso vizinho que esbanja tanta cultura que o Chile? Como o peso chileno é barato em comparação com o real, o Chile também é um ótimo destino para compras. Porém, antes de tudo, é necessário saber tudo que exigem para estrangeiros ingressarem no país. Acompanhe a matéria para entender, em detalhes, a entrada no Chile.

Documentos para entrar no Chile

Documentos para entrar no Chile

Diferente dos Estados Unidos, por exemplo, para entrar em qualquer país do Mercosul não precisamos de visto ou sequer um passaporte. No entanto, é imprescindível que você leve um documento de identidade contigo, nesse caso, o Registro Geral (RG) ou o próprio passaporte. Mas fique atento, o RG não pode ter mais de 10 anos, então verifique com antecedência sua validade e legibilidade. As crianças ou bebês também precisam do RG como forma de ingresso, pois a certidão de nascimento, nesse caso, não é válida. Se o menor estiver desacompanhado ou acompanhado de só um dos pais, é crucial que esse esteja com a autorização dos pais com ele. 

Quando estiver ingressando no país, um agente da Polícia de Investigações do Chile lhe dará um formulário preenchido com os seus dados pessoais, número do RG ou do passaporte e o lugar que você pode ser localizado, como o hotel que ficará. Veja os melhores e mais baratos hotéis em Santiago antes de ir. Esse documento deve ser apresentado ao fazer check-in no hotel e quando sair do país, então fique atento para não perdê-lo. Muitas vezes, esse formulário é distribuído no avião para os passageiros preencherem, assim, tenha-o em mãos quando desembarcar do avião e passar pela alfândega, onde eles revisarão seus dados.

Documentos para entrar no Chile

O prazo máximo de permanência legal no Chile como turista é de 90 dias, ou 3 meses. Se nesse período você perceber que precisa de mais tempo no destino, basta renovar seu visto de turista.


Como economizar muito na viagem ao Chile

Se você vai viajar para o Chile, não deixe de ver as nossas dicas incríveis de como economizar muito no Chile para economizar um bom dinheiro na sua viagem e poder fazer ainda mais passeios e aproveitar ao máximo suas férias. São dicas incríveis e comparadores de preços excelentes para economizar em tudo na viagem.

Veja outras matérias imperdíveis do Chile:
Aluguel de carro no Chile: Tudo o que você precisa saber e como economizar muito.
Como levar dinheiro para o ChileMelhores formas de levar seus pesos chilenos.
Cidades turísticas do Chile: As cidades chilenas mais famosas e visitadas.

Postar um comentário

 
Top